terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Pois...

Esquecemo-nos, ao fazer as contas, dos atrasos nos voos e do jet lag...
Assim, podemos tentar outra vez?
Amanha?

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Café e minis à espera...

Domingo estou de volta.
Convocatória para segunda-feira. Samambaia às 22h, minis, tremoços e festa de TOP!

Momento gaspar...

Todos os seguranças de loja deviam ser estrábicos. Isto porque se alguém tentasse cometer um furto, nunca saberia se o segurança estaria a olhar na sua direcção...

Nerd moment...

Não sei porquê, no outro dia deu-me para pensar nos jogos que me marcaram, que me mudaram e cujo tempo que lhes dediquei dou-o por bem gasto. Como fazer listas e tops é uma moda que não morre, pensei em elaborar o Top Ten dos melhores jogos que alguma vez joguei. Aqui vai ele:

10 - The Secret of Monkey Island. Uma pérola da LucasArts, um point 'n' click do tempo em que este tipo de sistema de jogo reinava (e por mim, nunca devia ter morrido). A história, a interactividade, o humor hilariante... Guybrush Threepwood F'ING RULES!!

9 - Super Mario Bros. É preciso dizer alguma coisa?

8 - The Legend of Zelda. A minha primeira incursão pelos RPG's, o nascimento de uma obsessão. Devia ter uns 9, 10 anos quando me foi oferecido, e mesmo esforçando-me ao máximo nunca o consegui acabar, e não foi por falta de dedicação! Há alguns anitos, graças à magia da emulação, revisitei-o e consegui acabá-lo, mas sem dúvida só após suar bem! Encaixar todo aquele mundo num cartucho da velhinha NES, um trabalho de artesão! Ainda hoje a música é absoultamente fenomenal!!

7 - Command & Conquer: Red Alert. Outro clássico que toda a gente jogou, o primeiro jogo de estratégia em tempo real que joguei e bolas, é mesmo bom! Achknowledge, comrrade!

6 - Street Fighter 2. Toda a gente jogou este jogo, o primeiro beat 'em up digno desse nome, um jogo de culto ainda hoje jogado por muita gente!

5 - UFO (ou X-Com). Dasse, que tensão, que nervos, que vontade de rebentar aliens à porrada!! Ainda hoje, de vez em quando o jogo, e continua tão sublime como na primeira vez em que lhe pus as mãos em cima!

4 - Call of Duty 4. O jogo que mais jogo nos últimos tempos, tem uma história fascinante e perturbadora, mas reina bem alto no modo online! Jogar em rede esta pérola é absolutamente viciante!!

3 - Half-Life 1. Uma incursão no escuro, não sabia o que esperar deste FPS. Fiquei deslumbrado!

2 - Civilization, o primeiro, o original. De longe o jogo que mais joguei em toda a minha vida. Simplesmente perfeito!

1 - Final Fantasy VII. Palavras para quê, o melhor jogo alguma vez criado. Um enredo absorvente, personagens carismáticas, e uma história que simplesmente rivaliza com clássicos da literatura. Somar isso à qualidade gráfica, tanto do jogo em si como dos vídeos (não esquecer que estávamos em 1997) e a uma banda sonora absolutamente delirante, tem-se uma obra-prima, inigualável!

E agora vocês? quais os vossos jogos favoritos? Não precisam de ser 10, não precisam de ser só videojogos, mas contribuam! Gostava mesmo de saber o que vos marcou em termos de entretenimento interactivo (masturbação não conta!)...

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008


Luck.... Runs.... OUT!!!

A inovação. Sempre os mesmos. Quando todos viram à direita, eles vão para a esquerda. Não convencionais, desalinhados, os melhores. Senhoras e senhores, All Nightmare Long:

Candidato a...

Melhor filme de 2009? Sinceramente acho que não, mas só alguém ter realmente avançado com isto merece o Oscar!!

sábado, 6 de dezembro de 2008

Dizem que está frio...

Afinal, o que são 24º negativos?

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

A primeira coisa que vou fazer...

quando chegar a Portugal é...
SAIR DO AVIÃO!!!

Agora a sério, em jeito de respostas:

Anónimo e Bjork, mas vocês são doidos???

Gosto de doidos, mas vai lá, vai...

Ivan, isso está tudo na "to do list", evidentemente. O abraço é prioritário *cough*graxa*cough*...

Guitarras agora tenho 4. Uma Samik strat preta (a primeira de todas, não é nada de jeito), uma Epiphone Les Paul modificada por mim (pickups e fret inlays novos), uma ESP KH-202 que vou em breve modificar, de modo a ficar igual a esta, e agora esta ESP MX-250, a verdadeiramente cara do grupo (as outras estão todas abaixo dos 500euros). Esta também vai levar inlays novos (mandá-los fazer de origem era MUITO caro, assim é muito melhor!). Em breve vou arranjar um amplificadorzinho piqueno mas com um som que me agrade (que o que tenho agora é muito poderoso e com um som ranhoso)talvez este, e começarei a postar vídeos destas bebés em acção... Obviamente que esses registos serão aqui linkados!

Gaspar, tirando a Sagres, gosto da tua maneira de pensar...

Aliás, esquece lá isso! Não estou em posição de regatear! Acho que agora até Topázio ia (já estou à espera que o Nuno me venha maldizer por denegrir a cerveja de Coimbra, mas há limites para o que é bebível, limites que ultrapassei por várias vezes!!)

Nuno. MADAFUKIN METAL ROCKAR!!!!

terça-feira, 18 de novembro de 2008

E, após 8 meses...

Está completa, está criada, é linda, é minha!
Adivinhem lá qual é a primeira coisa que vou fazer quando chegar a Portugal?

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

sábado, 8 de novembro de 2008

Miguel...

Obrigado.
Obrigado.
Obrigado pela sugestão de algum tempo atrás. Adorei!

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Rings a bell...

Este texto podia ter sido escrito por mim (se soubesse escrever algo de jeito... Refiro-me à parte da noitada na CNN, por acaso - mesmo por acaso, acreditem - já conhecia bem Obama), mas tudo o resto subscrevo. Venha ele, faça o que puder e o que quiser, acredito que serão as escolhas acertadas!

P.S. - Obrigado Jumento pelo link, continua assim que eu gosto!

Porra...

Há quase dois anos atrás... Sou mesmo bom! Nuno Rogeiro, chega-te para o lado!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Quando fores ao cagatório...

Vê lá o que vais fazer...


Para os que não entendem o trocadilho que fiz, vide aqui.

Curiosidades do calendário...

Ora deixa cá ver o tempo...
32 Fahrenheit?
Que é isto branco a cair do céu? Abateram um avião colombiano?
E isto são quê, 2 da tarde de um dia de OUTUBRO?????

E o burro sou eu? Sou...

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Esta agora...

Púbico e Público, ou a diferença de um L...

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

sábado, 27 de setembro de 2008

O meu mais recente terror...


É que esta gaja ganhe... São os EUA, aqui tudo é possível!

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Se não adorasse tocar guitarra...

Trocava-a por bateria. E porquê? Porque coincidências destas não se ignoram...
E ainda mais de uma grande banda...

domingo, 21 de setembro de 2008

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

A mais bela música do milénio...

A intro de piano e cordas....
O tom global...
As letras...
A auto-indentificação...
Estou apaixonado. Constant replay...


Querias-te rir, Gaspar?

Então toma lá esta...

terça-feira, 16 de setembro de 2008

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Hoje estou magnetizado!


O meu novo brinquedo...



Para me ajudar a manter a sanidade mental... Um prémio monetário a quem souber de um composto que estimule a biogénese mitocondrial em HepG2....

domingo, 7 de setembro de 2008

I kill you!

Simplesmente brutal!

Como este há muitos. Por exemplo, se quiserem saber quem é o Walter (e perceber a do Mr. Hurricane), vide-o aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.
Depois, o Peanut... aqui, aqui e aqui.
Em seguida, o superherói Melvin, aqui.
O agente Sweet Daddy D, aqui.
E finalmente, o white trash Buuba J, aqui.

Quando tiverem uma horinha livre, vejam-nos todos. É de cagar a rir!

sábado, 6 de setembro de 2008

Já que falamos de Death Magnetic...

Aqui vai o primeiro single (e vídeo) deste aparentemente fenomenal álbum. Esta chama-se "The day that never comes". Começa como uma balada, com letra e riffs carregados de sentimento, que culminam num refrão extasiante. A meio, a música decide que precisa de mudar, e se muda! Uma aceleração gradual, para terminar em quase 4 min de riffs de ritmo tocados à velocidade da luz (vou ter trabalho para aprender a tocar esta). O vídeo envoca o conflito no Iraque, focando-se, como as letras, não na violência e morte, mas sim na capacidade de saber perdoar apesar de custar fazê-lo.

Senhoras e senhores, os reis:

Como se já não estivesse suficientemente ansioso...

"Oh my fucking god.
Metallica is back in a big way with 2008’s implausibly exceptional Death Magnetic. Their best album in 17 years and one of the best pure metal albums of the millennium finds the band cutting a fierce swath of diabolical thrash metal through 10 superb tracks of metal brilliance.
After attempting to sound “raw” on St. Anger and dropping two records of hard rock sanitation prior to that, Metallica’s ninth studio album is mostly fast as fuck and places the 40-something thrashers in the middle of a set of songs that contain enough unruly energy to fuel a jumbo jet filled with psychopaths.
...
So yeah, it’s safe to say that Metallica is back and will unquestionably reclaim their lawful place as the true gods of thrash metal. Death Magnetic delivers the goods and does so at 100/mph, careening through outstanding songwriting, rolling guitars, menacing bass, and insane percussion with reckless abandon and no fucking seatbelts.
But with all that said, there’s truly only one axiom needed to sum up Death Magnetic:
Oh my fucking god."

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

É favor clicar...

...justamente aqui e maravilhar-se com o rigor e a precisão científica de tal trabalho.

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Sim senhor, o Flight Simulator deu jeito...






Até era pra ter sido eu a aterrar, mas estava muito vento... Mas de resto, só vos digo... Pilotar é uma experiência fenomenal!

Fodasse!

Epá, porra! Não se faz! Vaca dum cabrão...

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Links...

Comprei este. Não é mau, mas este é muito melhor. Mas MUITO melhor. Basta dizer que foi produzido pelo Rick Rubin, que acabou de produzir este, que muito aguardo (e, se pensarmos bem, este senhor tem no currículo grandes álbums, como este, este, este, este e este...). E vai ser o produtor deste...

Porque não?

Se vamos ter um vício, mais vale ser este...

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Sou oficialmente americano...

Tenho um resto de pizza no chão do quarto...

Thrash reloaded...

A Wikipedia descreve o Thrash Metal como um género musical que surgiu nos anos 80, nos Estados Unidos. Falso. O thrash acaba de (re)nascer, na forma de My Apocalypse.

P.S. - Se alguém quiser saber o que é Heavy Metal, é favor ouvir desde 1:50 até 2:02. Se, durante esse trecho, não conseguirem pelo menos abanar a cabeça, são um caso perdido. A porta é ali. É favor sair.

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Epic...

Born to push you around
Better just stay down
You pull away, he hits the flesh, you'll hit the ground
Mouth so full of lies
Tend to block your eyes
Just keep them closed, keep praying, just keep waiting

Waiting for the one
The day that never comes
When you stand up and feel the warmth
But the sunshine never comes
No, the sunshine never comes

Push you cross that line
Just stay down this time
Hide in yourself, crawl in yourself, you'll have your time
God, I'll make them pay
Take you back one day
I'll end this day, I'll splatter color on this grey!

Waiting for the one
The day that never comes
When you stand up and feel the warmth
But the sunshine never comes

Love is a four-letter word
A never spoken care
Love is a four-letter word
Here in this prison
I'll suffer this no longer
I'll put an end to this, I swear
This I swear
The sun will shine
This I swear
This I swear
This
I
Swear!

sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Mais uma razão...

... para gostar do Woody Allen:

(Scarlet Johansson & Penélope Cruz)

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Foi chegar, ver e...

VENCER!
(nos penálties, mas também conta! Para os mais lerdos, joguei no Team Evil...)

E continua a somar...

Isto é inacreditável... Quantas maneiras mais existem de foder toda a gente??

domingo, 10 de agosto de 2008

ODEIO-VOS A TODOS

os que estão de férias, obviamente. Aos que não têm vida pessoal, tal como eu, um forte abraço ou um beijinho (à escolha do/a freguês/a).

SUICIDE; I'VE ALREADY DIED; IT'S JUST A FUNERAL I'VE BEEN WAITING FOR...



Esta chama-se Cyanide. E PARTE TUDO FODASSE!!!!!!! TOU-ME A MIJAR PELAS PERNAS ABAIXO!!!!! CARALHO!!!!!! AAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

(ah, e o album tem a Unforgiven III!)

Já sabeis???



Mais uma resposta...

O trabalho é muito, dá pra passar por aqui poucas vezes, ainda menos para uma resposta. Hoje, domingo, para variar estou no laboratório, mas enquanto o rtPCR corre, respondo. Ainda mais estou de MUITO BOM HUMOR (vide o post seguinte!!!! FUCK YEAH!), por isso aqui vai:

Não faço riscos na parede, porque ainda não estou farto (longe disso, meu amigo. Estou a gostar bastante, só quis demonstrar que o tempo voa!).
Philly cheesesteak também ainda não, só pelo simples facto de ainda não ter encontrado à venda (até porque não vou muito a restaurantes!).
Um extra egg funky double large triple cheesy monster burger crispy jumbo size bacon mayo sauce com cocacola light? Também não, apesar de ontem ter ido pela primeira vez a um MacDonalds (isto de chegar às 11 da noite de Minneapolis dá uma preguiça pra fazer a janta...).
Não me importo com os picles.
Aquela lá em baixo é a Ana. Podes vê-la aqui. Acredita, não tenho nada para contar, graças a deus...
Twist? Com limão?
Volto a dizer, ando cheio do trabalho.
Verdade seja dita, a internet em casa é uma merda, e aqui na universidade é um "pouco" condicionada...
Dou-lhe no porn si senhor, já entrei em 2 filmes desde que cá cheguei. Um de zoofilia (com um bode e uma anémona) e um gangbang gay. Nada de que me orgulhe, mas estava com vontade de me baldar ao trabalho.

De resto... Conto os dias para 12 de Setembro...

segunda-feira, 21 de julho de 2008

sexta-feira, 18 de julho de 2008

sábado, 12 de julho de 2008

Pediram fotos comigo presente...

Aqui as tendes:

Agoram não façam marotices com elas! Da esquerda para a direita:
Com um saco PEQUENO de pipocas no 4th of July
Em casa do sr. Dr. John Holly, no 2o dia em Duluth (e que grande dia e noite)
Em casa do meu orientador, Dr. Kendall Wallace, no 4th of July para um almoço revigorante!
Downtown Duluth, no 4th of July, na mais famosa gelataria cá do sítio.

sexta-feira, 11 de julho de 2008

News flash

Comecei a escrever este texto como um comment ao post anterior a todas as vossas dúvidas. Mas como se estava a alargar, não pensei mais nisso e criei este post. Por isso:
Sim, o Macbook Pro 15" que comprei ao preço da chuva é todo bonitinho e o software é todo legítimo (inclusivé o Office 2008, completamente à pala). Também veio com 1 iPod touch 8Gb completamente grátes, que diga-se também é um brinquedo muito engraçado. É fudido de perder o right click, até perceberes que este podes ligar 1 rato normal por USB ou meteres 2 dedos no touchpad e clicares normalmente (a sério, 2 dedos, sem conotação sexual nenhuma!)

Esta américa aonde vim parar não é do caralho, mas anda lá perto nuno. Só precisava de maior facilidade de transporte pessoal (é tudo longe de tudo, mas mesmo LONGE!) e também maior facilidade em arranjar pingar... Mas pronto, não se pode ter tudo...
Se tudo correr bem, quando as aulas começarem, podem esperar receber uns mails marotos com relatórios de actividades (tipo festarolas e outras coisas assim, que não se podem escrever sem algum tipo de privacidade).

Ainda não estou obeso, mas apenas porque estou transformado na verdadeira fábrica do cocó. A sério, liberto mais gás por dia que um poço de petróleo do Koweit (imagem desagradável, mas tenho uma costela de jornalista, por isso a verdade é para ser dita). Não oiço hiphpop, porque não oiço música cá. Pelo menos a de cá. Nem eles podem com as estações de rádio daqui. Por isso não sei como são. Vou ouvindo as minhas metaladas enquanto tomo a minha malga de "café" (as aspas são para indicar que isto não é café. Eles chamam-lhe café, mas eu tenho uma nespresso e não me deixo enganar. Isto é pura e simplesmente água suja) e fumo o meu cigarrito. A comida (tirando a carne) é uma miséria. Tudo salgado, condimentado, mas se comprares produtos "normais", sem nada adicionado, parece que estás a comer papel, não tem sabor. O leite sabe a água, e é o meio gordo. 

No Wyoming não sei se há hiphop ou não, volto a dizer que estou noutro estado. As leis deste não sei se proíbem, mas se proibirem o mundo não morre, garanto. Contra a lei de deus também não sei se será, porque da última vez que falei com esse gajo ainda não havia hiphop.

De resto, o trabalho vai bem, muita papelada para tratar ainda (transferir bench fees, tratar do seguro de saude, etc) mas corre tudo bem. Só gostava mesmo era de parar de me peidar...

P.S. - aqui vão umas fotos. Qualquer coisinha escrevam!

sábado, 5 de julho de 2008

Guess what I just got...


Tou farto de PC's! Vivam os Macs!

sábado, 21 de junho de 2008

From around the world...

This post is brought to you from Duluth, MN. Already in the United States, jet lagging...
News will arrive soon.

segunda-feira, 16 de junho de 2008

É oficial...


O nono albúm de estúdio dos meus meninos chama-se:
Não sei o que pensar deste título, parece-me muito grind-core para Metallica. Mas não é o nome que interessa, é a música. VAMOS LÁ VER!
Setembro ainda tão longe...

quarta-feira, 11 de junho de 2008

segunda-feira, 9 de junho de 2008

It's coming...


Day 1...

Como se ainda houvessem dúvidas...

sobre qual foi o melhor concerto do Rock in Rio. Parabéns aos Moonspell e aos Offspring, por demonstrarem que não são só os cabeças de cartaz que fazem bons concertos. Já a Amy Winehouse... Que tristeza pela degradação humana, que felicidade pela desilusão de 90mil otários que a foram ver!


Eu, para não variar, fui ver os grandes, os incomparáveis, MetallicA. Foi um concertão (virado para o Load e ReLoad), mas em termos de músicas acho que prefiro o de 2007. Já em termos de ambiente, este foi de longe o melhor que já vi. Primeiro, porque fiquei na primeira fila (é verdade, em frente ao palco, embora não tenha apanhado nenhuma palheta :( . E porque desta vez tive com quem partilhar este amor e admiração por uma banda. Através do clube, conheci uns quantos que também lá foram. A maioria de fora, mas também uma portuguesa. E, se vamos todos, porque não nos encontramos, conhecemos e vamos juntos? Assim foi. Tudo malta impecável, todos juntos por esta vontade de desfrutar o som da incontestávelmente melhor banda ao vivo da história. Aqui fica o registo fotográfico de tão bom dia e divertida noite!






quarta-feira, 4 de junho de 2008

João, talvez queiras modificar o comentário que fizeste no longínquo ano de 2007...

http://the-call-of-ktulu.blogspot.com/2007/01/cantas-bem-mas-no-me-encantas.html

sábado, 31 de maio de 2008

Ficção ou realidade?

Acabei de ver a 6a série do West Wing. Não me farto de dizer que adoro esta série. Agora, o que é curioso é que esta série reflecte de maneira muito semelhante, a realidade. Senão vejamos:

O mandato de Jed Bartlett (Martin Sheen) termina em um ano. Começam as corridas para as nomeações democratas e republicanas. Enquanto que os republicanos rápidamente se unem em torno de um candidato (Arnold Vinnick ou, na realidade, John McCain), os democratas andam feitos tolos para encontrar um candidato. E chega-se à convenção democrata sem um candidato. Existe um candidato que era o certo à partida (Bob Russel / Hillary Clinton), mas um underdog surgiu e rápidamente começou a ganhar momentum (Matt Santos / Barack Obama). O da série é latino, o real é afro-americano. Ambos são excelentes oradores, cativando com a oratória e o seu carisma.

Bem, não vos vou dizer como se desfecha a série, mas se se repetisse na realidade não me importava. A principal diferença que encontro entre a série e a realidade é que Jed Bartlett é um grande presidente...

Coisas de que terei saudades...

Vou ter saudades da Super Bock...

(e NÃO, não vou beber Budweiser...)

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Coisas de que terei saudades...

Vou ter saudades da comidinha da mamã...

(gozem à vontade, eu sei o que é bom!)

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Coisas de que terei saudades...

Vou ter saudades da família, dos amigos, do lab, de todos os que gosto e adoro.

terça-feira, 27 de maio de 2008

Coisas de que terei saudades...

Em virtude de me sobrar pouco menos que um mês na pátria, inauguro agora uma série de posts sobre o que tenho cá que não terei lá, um por dia (ou mais, se se justificar). Imigrantes (antigos ou recentes) são incentivados a colaborar.

Vou ter saudades de tocar guitarra.

terça-feira, 13 de maio de 2008

Owned!!!!


Esta tá de mais! Não se é falsa, mas valeu o esforço...

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Fracções...

Acabei hoje (não oficialmente) 1/5 do meu trabalho de doutoramento. Levou 1/4 do tempo que tenho disponível de bolsa (e sem contar com escrever a tese). Apesar disso, deu-me 1/2 da satisfação que tive com este dia.

Fazendo as contas dá:

Ou aceleras as merdas ou tás f*dido!

É TÃÃÃOOO BOM...

Ainda não consegui parar de ouvir os clips ali abaixo! Vou fazer uma previsão, este album vai ficar lado a lado com o Black Album, tenho a certeza que vai vender milhões atrás de milhões! Os grandes MetallicA vão voltar a ser uma compra indespensável a qualquer amante de música, quer-me parecer...

Por falar nisso, lançaram há poucos minutos um novo site (de subscrição gratuita, aqui), com muita coisinha interessante, inclusivé um novo vídeo!


O riff de guitarra aos 1:05 é qualquer coisa de... de... FENOMENAL!!!!!!!!!!

Mais um papai...

E parabéns ao Miguel Santos (aka Mimi, etc.) pelas boas novas! Aí, futuro papai!

Só tremo na ideia de uma criança a crescer no círculo do Marco Lemos, esse velhão!

domingo, 11 de maio de 2008

JÁ COMEÇOU!!!!!!!!!!!!!

ESTE COMBOIO JÁ ESTÁ EM MOVIMENTO!!!!
MetallicA, O NOVO ÁLBUM!!! JÁ CIRCULAM ALGUNS CLIPS DAS NOVAS MÚSICAS!

Só para vocês:


A(s) nova(s) música(s) começa(m) aos 2:22!

free video hosting
Free Video Hosting

Aqui é tudo novo!

Não sei, sou suspeito, mas parece-me muito bom, o verdadeiro regresso!

Bow down, sell your soul to me, I will set you free...

quinta-feira, 1 de maio de 2008

terça-feira, 29 de abril de 2008

O que é ser um realizador...

"The best part of this job is that you can have actresses to topless just because you said so."

Judd Apatow, no Daily Show

domingo, 27 de abril de 2008

É por estas e por outras que...

este gajo é o melhor:

"Last night, during another democratic debate, John McCain was certainly resting his balls on a cooled bowl of Howard Dean's tears..."

Jon Stewart, no Daily Show

sexta-feira, 25 de abril de 2008

Uma no cravo...

e outra no laboratório... Feriados são dias normais...

Meus amigos...

tenho que vos confessar: Sou hetero.

sábado, 12 de abril de 2008

domingo, 6 de abril de 2008

E são três...

Agora, alguém quer contestar a justiça e a transparência deste título?

terça-feira, 1 de abril de 2008

Mais uma vez, cuidado a abrir...

este link, uma vez que é possivelmente a situação mais irritante que existe na internet. Se a curiosidade for demasiado grande, ficam avisados...

Feliz dia das mentiras!

Ora aqui está uma bela tanga! Já a da Hillary, essa é que podia ser verdade...

domingo, 30 de março de 2008

À procura de reforços?


Paulo Bento parece já estar a procurar reforços para a próxima época, provavelmente um jogador combativo (se não fosse este o caso, que raio faz o homem no paquistão??)

Por falar em YouTube...

Acho que vou lá colocar um vídeo...
Vou comprar esta merda e vou queimá-la com bastante gasolina. Vou gravar e pôr no YouTube, a ver se não se torna o vídeo mais visto da história!

sexta-feira, 28 de março de 2008

Liguem para o Guiness

Acho que bati um recorde. Duas desvitalizações em dois dentes diferentes em apenas uma hora!

quarta-feira, 26 de março de 2008

Foda-se...

Estou a ficar bastante farto de ver notícias destas... E passam ao lado de todos, como se de nada se tratasse...

A sério, fico mesmo fodido...

Turn the page...

On a long and lonesome highway, east of omaha

You can listen to the engine moaning out its one lone song

You can think about woman, or the girl you knew the night before,

But your thoughts will soon be wandering, the way they always do

When your riding sixteen hours and theres nothing much to do

And you dont feel much like riding, you just wish the trip was through.

Say, here I am, on the road again

There I am, up on the stage

Here I go, playing star again

There I go, turn the page.

Well you walk into a restaurant, strung out from the road,

You can feel the eyes upon you as your shaking off the cold

You pretend it doesnt bother you, but you just want to explode.

Most times you cant hear em talk, other times you can.

Oh the same old cliche, as that woman on her a man?

You always see my number, you dont dare make a stand.

Here I am, on the road again

There I am, up on the stage

Here I go, playing star again

There I go, turn the page

Out there in the spotlight your a million miles away,

Every ounce of energy, you try and give away,

As the sweat pours out your body like the music that you play

Later in the evening as you lie awake in bed,

With the echo from the amplifiers ringing in your head,

You smoke the days last cigarette, remembering what she said.

Now here I am, on the road again

There I am, up on the stage

Here I go, playing star again

There I go, turn the page

Here I am, on the road again

There I am, up on the stage.

Ah here I go, playing star again

There I go, there I go....

A propósito do post anterior...

Nasceu ontem a filha da Catarina, para os interessados. Agora o nome da criança é que para mim...

Não sei...

She smells of soup...

Acabei de ver o "Juno". Gostei, mas não é um "Miss Little Sunshine". É uma bela história, de gente desaptada, de autênticos misfits no papel de gente normal (inevitáveis as comparações com o outro filme acima referido).
Tinha ouvido falar muito bem de "Hard Candy". Fui ver e saí do cinema completamente arrebatado, não tanto pela grande história, mas pelo papelão desempenhado pela (pelo menos para mim) desconhecida Ellen Page. A miuda tem talento, e ainda a vou voltar a ver em breve, disse eu para os meus botões. Não estava errado, ela volta a encher o ecrã com uma representação sólida e extremamente competente. Pensei que a sua nomeação para o Óscar tivesse sido exagerada (e ainda penso), mas tendo em conta a concorrência até posso afirmar que era uma forte concorrente.
"Juno" conta-nos uma história engraçada acerca de uma gravidez inesperada, numa jovem inesperada. Um sofá tudo começou. Uma autêntica auto-proscrita, uma anti-conformista vê-se confrontada com com uma situação bastante comum (gravidez na adolescência). Ela apoia-se num adulto que à força toda quer agarrar-se à sua juventude, mesmo prejudicando a sua vida. E isto soa-me tanto a cliché...
Sei que vão haver vozes discordantes, sei que muita gente gostou (o Markl, por exemplo, chega a dizer que Juno é A comédia... Discordo veemente). É um bom filme, muito superior a muita treta que chega ao cinema (ainda tenho pesadelos sempre que me lembro do Rendition!!), mas, muito sinceramente, esperava mais...
Deixou-me uma sensação de que poderia ali haver mais... Mas adorei a cena final, o dueto no alpendre...